Contmatic Phoenix | Soluções Inteligentes de Alta Tecnologia

Soluções Inteligentes de Alta Tecnologia.





Perguntas e Respostas

Com a Reforma trabalhista, os descontos das Contribuições aos Sindicatos: Assistencial/Confederativa etc (exceto Sindical), ainda é obrigatório ou só com autorização do empregado?

Leia Mais...

Bom dia, tenho uma empresa que é uma Agroindústria (CNAE 10325-01 - fabricação de conservas de palmito), cuja classificação tributária é o Lucro Presumido, ao cadastrá-la utilizei os seguintes códigos abaixo: - FPAS : 833 - TERCEIROS: 0079 ( 5,8%) - RAT: 0% - FAP: 1% - Código de pgto de GPS: 2100 Por gentileza poderiam me informar se todos os códigos e percentuais estão corretos? Se os percentuais da GPS a recolher são o INSS descontado dos funcionários e mais 5,8% de terceiros? E se tem alguma coisa para recolher também sobre o faturamento, qual seria o código de GPS e alíquota? Fico no aguardo. Obrigada

Leia Mais...

Boa tarde Pessoa! Por favor, temos empresas que apresentam um CNAE como principal em seu CNPJ e vários outros nos CNAES secundários, com anexos variáveis de acordo com cada atividade. Estas empresas ao emitirem Notas Fiscais da Prefeitura, pois trata-se de prestadoras de serviços, acabam sempre se utilizando atividades dos CNAES secundários e quase nunca o CNAE da atividade principal. Minha dúvida: para calculo do Simples Nacional, a escolha do Anexo, será pela atividade que ela exerceu na NF emitida ou será pela determinação do CNAE principal em seu CNPJ?

Leia Mais...

Minha empresa encerrou suas atividades. O Balanço Patrimonial e DRE foi encerrado em 30/09/2017. Preciso entregar a ECF Especial de Extinção de 01/01/2017 até 30/09/2017, pois todos os lançamentos foram efetuados nesta data. A data da baixa no CNPJ, Jucesp e Secretaria da Fazenda (IE), foi em 20/10/2017. Pergunto: Dará conflito ao entregar a ECF de extinção em set/2017? Uma vez que a data da baixa nos arquivos da Receita Federal foi em 20/10/2017?

Leia Mais...

Como constituir uma empresa de aulas de ingles, sendo que o prestador de serviços (professor) será pessoa física residente no exterior, as aulas serão on line. A empresa venderá as aulas para os alunos no Brasil, receberá pelas aulas e terá que pagar o professor no outro país. Como tem que ser feito esse pagamento? Tem que ser o câmbio do dia? Obrigada, Milena.

Leia Mais...

Últimas Notícias Legalmatic